Causas do Câncer de Fígado

Se você está em busca de saber as causas do câncer de fígado esse conteúdo é perfeito. Relacionamos as principais causas do câncer de fígado e explicamos uma a uma para você entender e prevenir esta doença.

O câncer de fígado é um tumor maligno que inicia nas células do fígado, mas que apesar de ser uma doença agressiva, há chance de cura caso o paciente seja tratado ainda no estágio inicial.

Muitas são as causas do câncer de fígado, dentre elas, o alcoolismo. Segundo uma pesquisa feita por uma Universidade em Nova Zelândia, o álcool foi responsável por 5,8% de óbitos por câncer no mundo todo, incluindo o câncer de fígado.

É muito importante conhecer as causas mais comuns do câncer de fígado quando está em estágio inicial para poder trata-lo, tais como:

  • hepatocarcinoma ou carcinoma hepatocelular (tumor maligno frequente em mais de 80% dos casos);
  • angiossarcoma (tumor do vaso sanguíneo);
  • colangiocarcinoma (tumor que atinge os ductos biliares dentro do fígado);
  • hepatoblastoma (comumente na criança).

Estes são os tumores malignos primários que ocorrem no próprio fígado.

Já os tumores secundários, aqueles que provém de outros órgãos como intestino, mamas, pulmões e estômago são considerados metástases e não câncer de fígado.

Conheça agora mesmo as 5 principais causas do câncer de fígado e como evitá-las.

1. Causas do câncer de fígado – Cirrose

Uma das causas de câncer de fígado está relacionada com a cirrose (resultado de muitas agressões ao fígado fazendo este perder suas principais funções). A cirrose é causada principalmente pelo consumo excessivo de álcool (dentre outras causas). A cirrose danifica as células do fígado que são substituídas por tecido cicatricial.

2. Causas do câncer de fígado – Hepatite B ou Hepatite C

Um dos principais fatores de risco para o câncer de fígado, a hepatite B ou hepatite C, podem provocar a doença pelo próprio vírus ou evoluírem para uma cirrose.

Na hepatite B, ocorre uma alteração no DNA da pessoa, causando mutações e levando ao desenvolvimento do câncer.

Já a hepatite C é responsável por 54% das mortes por câncer de fígado. A presença de uma mutação genética pode aumentar a incidência desse tipo de câncer em 70% em pacientes com hepatite C crônica.

3. Causas do câncer de fígado – Diabetes

Uma das hipóteses é a diabetes tipo 2 e câncer de fígado estarem relacionadas, já que ambos possuem fatores em comum, como a má alimentação, sedentarismo e sobrepeso.

diabete causa cancer figado
A diabete pode ser uma das causas prováveis do câncer de fígado

Outras hipóteses apontam que as doenças são provocadas pelos mesmos mecanismos moleculares e genéticos, ou ainda que a insulina pode estimular o crescimento celular, favorecendo a tumores.

Apesar da conexão entre as duas doenças não ter nada de estudos definitivos, as hipóteses fazem muito sentido e são elencadas por alguns especialistas médicos.

4. Causas do câncer de fígado – Gordura no fígado

Também conhecida como esteatose hepática, a doença pode ser causada por colesterol alto, obesidade e consumo excessivo de álcool, e apresenta 4 níveis antes de chegar ao câncer de fígado, são eles:

  1. Esteatose hepática simples ou Grau 1: O problema só é detectado por um exame de sangue de rotina, pois o paciente não tem sintomas;
  2. Esteatose hepática não alcoólica ou Grau 2: O fígado fica inflamado pelo excesso de gordura, causando inchaço na barriga e dor do lado direito do abdômen;
  3. Fibrose hepática ou Grau 3: Alterações no fígado e nos vasos sanguíneos próximos causados pela inflamação e gordura no órgão;
  4. Cirrose hepática ou Grau 4: É quando a inflamação persiste por anos, agravando o estado do fígado, reduzindo seu tamanho e deixando-o em formato irregular. Essa é uma fase grave da gordura no fígado e que pode evoluir para um câncer ou morte do fígado. Nestes casos, um transplante é necessário.

5. Causas do câncer de fígado – Consumo excessivo de álcool

Em todas as causas de câncer que acometem o fígado, o álcool está entre elas e figura como um dos maiores influenciadores. O consumo abusivo da bebida alcoólica pode danificar o órgão, inflamá-lo e levar a cirrose que, como já mencionado, é um dos fatores de risco causador de câncer de fígado.

Apesar de o álcool ser transformado em outras substâncias, como o acetaldeído, ao entrar em contato com as enzimas que protegem o fígado, a dose diária de qualquer bebida alcoólica deteriora o órgão e as células não têm tempo de se recuperarem.

O fígado tem capacidade para metabolizar o álcool, desde que a ingestão não seja frequente.

Agora que você conhece as causas do câncer de fígado, é importante valorizar as consultas periódicas ao médico, pois estas evitam que o paciente seja surpreendido e, assim, possa se cuidar para evitar o desenvolvimento da doença, ou seja, é uma forma de prevenção do câncer de fígado.

Para evitar o câncer de fígado também é importante não provocar as causas, portanto, nada melhor do que uma boa alimentação, fazer exercícios, parar de fumar e reduzir a bebida alcoólica.

Entendeu as principais causas do câncer de fígado? Comente se gostou do conteúdo e curta nossa página do Facebook!