Home / Beleza / Conheça a depilação a laser, procedimento definitivo de remoção de pelos

Conheça a depilação a laser, procedimento definitivo de remoção de pelos

Quando falamos em beleza, um dos tratamentos estéticos mais procurados por homens e mulheres é a depilação a laser.

As mulheres buscam se livrar do incômodo dos pelos de forma definitiva e também dos métodos dolorosos de depilação tradicional. Não perder horas em salão sofrendo com os puxões das folhas de cera é o desejo da grande maioria das mulheres que buscam a depilação a laser.

Mas os homens também buscam a depilação a laser e é cada vez maior o número daqueles que desejam se livrar de fazer a barba todos os dias, além de eliminar a foliculite, o famoso pelo encravado, comum entre os homens que se barbeiam com lâminas.

Mas como funciona a depilação a laser? Ela é eficaz de verdade? Quem pode faze-la? Vamos entender como funciona esse tratamento.

Como funciona a depilação a laser?

A depilação a laser funciona através de um aparelho que emite ondas de luz vermelha, altamente concentrada, atingindo diretamente a raiz do pelo e matando suas células, removendo totalmente os pelos.

Cuidados depilação a laser
Como é realizada a depilação a laser e os resultados obtidos desse procedimento

A luz emitida deve ser vermelha, porque somente essa cor de luz pura é absorvida pela melanina, pigmento que, dependendo da quantidade, dá a tonalidade mais clara ou escura do pelo. Para uma eficácia adequada, o pelo deve ser aquecido a uma temperatura mínima de 60º, por um período inferior a 30 milésimos de segundos, para que a melanina consiga absorver o calor que vai destruir as células germinativas que produzem os pelos, fazendo assim com que eles sejam eliminados da pele.

O laser mais indicado para fazer o procedimento é o de diodo, que produz luz vermelha pura. Ele deve ser um laser de 810 nm de alta potência, que primeiro esfria a pele para protege-la da alta temperatura e depois emite energia suficiente para degenerar a célula pilosa.

O tratamento com o laser causa um pouco de desconforto e dor, dependendo da região do corpo a ser depilada, porém, é suportável e em muitos casos são utilizados anestésicos locais para a realização do procedimento.

É preciso fazer aqui uma diferenciação entre depilação a laser de diodo e luz pulsada. Como já dito anteriormente, o laser de diodo é o mais indicado para um depilação mais efetiva, isso porque as luzes pulsadas ou fotodepilação, são formadas por cores diferentes juntas e a melanina só absorverá a luz vermelha, aquecendo muito pouco o pelo, diminuindo a possibilidade de destruição dele pela raiz.

O resultado da fotodepilação é o afinamento do pelo e sua diminuição ao longo das sessões, sendo necessário um grande número delas para atingir o objetivo, ao contrario do que acontece no tratamento com o laser de diodo, que os resultados são vistos após algumas sessões. A fotodepilação é indolor.

Você também pode gostar destes artigos:

Quantas sessões fazer? Por que os pelos podem voltar depois da depilação a laser?

O tratamento de depilação a laser, dura em media de 8 a 12 sessões, e ao contrario do que se acredita, esse tipo de depilação  não elimina definitivamente os pelos.

As células do folículo piloso (raiz do pelo) se regeneram e se reproduzem com o tempo (intervalo de 6 a 10 meses mais ou menos após o fim do tratamento) e novos pelos podem crescer no local onde foi feito o procedimento. É necessário fazer uma manutenção com novas sessões para evitar que novos pelos cresçam no área depilada.

Na fotodepilação, os resultados começam a surgir após 10 sessões e os pelos voltam a crescer cerca de 6 a 12 meses depois do fim do procedimento, com necessidade de realizar manutenções.

Cuidados na depilação a laser

É importante frisar que, antes de fazer o tratamento de depilação a laser é necessário tomar todas as precauções e cuidados devidos. Procurar clínicas sérias que utilizam lasers e luzes adequadas a cada tipo de pele e fazer uma avaliação com  o dermatologista.

Em qualquer uma das formas anteriormente citadas, há a necessidade de uma preparação e cuidados no pré procedimento e  no pós procedimento.

Antes da depilação, evitar exposição ao sol duas semanas antes e três semanas depois. Entre 24 a 48 horas, deve-se fazer uma raspagem dos pelos com lâmina ou creme depilatório.

Não deve ser feito depilação com cera ou pinça, isso porque o pelo não pode estar muito grande para fora da pele e não pode ter sido retirado pela raiz. Ele deve estar num tamanho mais curto para facilitar a identificação pela luz emitida do lazer, caso contrario, essa luz não conseguirá atingir a base dele e não o destruirá por completo.

No caso da fotodepilação recomenda-se evitar exposição ao sol 2 semanas antes e 2 semanas depois.

Durante todo o processo de depilação a laser ou fotodepilação, que dura em media de 8 a 12 meses, não pode ser feita depilação com cera quente ou fria, somente com laminas ou cremes depilatórios para garantir a eficácia do tratamento.

As sessões devem ser realizadas entre 30 e 45 dias nos dois casos.

Há indicação para uso, nas regiões depiladas durante todo o processo, do protetor solar com alto fator de proteção, preferencialmente acima de 50.

Quem pode fazer depilação a laser?

Pessoas de pele branca vão conseguir um melhor resultado com a depilação a lazer ou com a fotodepilação e tem esses tratamentos liberados.

Com o avanço da tecnologia nessa área, já existe no mercado lasers específicos para as peles negras, morenas e morenas escura que tem mais dificuldade na obtenção de resultados com esse tipo de depilação.



depilação a laser pele morena
Pessoas com a pele morena terão menos resultados obtidos desse procedimento

Contraindicações da depilação a laser

A depilação a laser não é indicada a pessoas com pele bronzeada, devido ao laser ou a luz pulsada não diferenciarem a melanina da pele bronzeada do pelo escuro, eles vão agir sobre toda a pele, podendo gerar manchas ou um superaquecimento , causando queimaduras.

A pele negra e morena também tem dificuldades com a depilação a laser ou com luz pulsada, por causa do alto índice de melanina na pele, que dificulta a eliminação do pelo e pode gerar queimaduras na pele. Pensando nesse público, já estão sendo desenvolvidos lasers com tecnologia específica para esse tipo de pele.

Peles lesionadas ou inflamadas também não devem fazer a depilação a laser. Somente após o tratamento dessa pele é que vai estar liberada para o procedimento. Gestantes não podem realizar a depilação a laser ou a fotodepilação.

Preço da depilação a laser

Os preços variam de clínica para clínica e dependem da área a ser depilada. É cobrado normalmente um valor por sessão, que vai de R$100,00 a R$800,00 em média, variando de homem para mulher. Há também pacotes de sessões que podem chegar a mais de R$4.000,00.

Tudo depende do desejo de se livrar dos pelos, pois os pagamentos são facilitados. O mais importante contudo, é a qualidade do tratamento para evitar danos a pele.

Caso este artigo sobre depilação a laser tenha lhe ajudado, deixe um comentário e curta O universo da saúde no Facebook!


About Portal Universo da Saúde

Universo da Saúde - Um portal com conteúdos de qualidade sobre saúde, doença, causas, tratamentos, remédios caseiros e cuidados. Aproveite nossos conteúdos gratuitos e tome cuidado com a sua saúde.

Check Also

dermacosmeticos

Dermocosméticos

Os dermocosméticos já são conhecidos das mulheres, principalmente as que estão acima dos 30 anos …