Home / Uncategorized / Halitose ou mau hálito: conheça as 7 causas mais comuns

Halitose ou mau hálito: conheça as 7 causas mais comuns

Conhecida como mau hálito, a halitose é uma alteração desagradável do hálito que já atinge 40% da população segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). As causas da halitose são extensas, indicando disfunção orgânica ou, na maioria dos casos, fisiológica.

Muitas pessoas podem sofrer de halitose matinal (durante o sono, há uma redução do fluxo da saliva, e por consequência, putrefação de células) mas quando ela é recorrente, em diferentes horários, é preciso descobrir a causa e tratar o quanto antes, pois pode ser sinal de problemas mais graves como diabetes ou problemas digestivos.

Por isso, as consultas regulares ao dentista são tão importantes, porque evitam maiores problemas, já que o mau hálito pode ser decorrente de uma cárie, entre outras causas.

Neste artigo você vai descobrir as 7 causas mais comuns da halitose (mau hálito), confira:

1. Causas da halitose – Problemas bucais

A principal causa da halitose está associada a problemas bucais, o que corresponde a 95% dos casos de mau hálito. São 4 problemas que podem atingir a boca:

Cáries

Quando não há boa escovação – incluindo o uso do fio dental –, os dentes sofrem deterioração devido ao acúmulo de resíduos e formação de ácidos – por causa de alguns alimentos como açúcar e amido – e bactérias que geram a placa bacteriana. Os ácidos presentes nesta placa destroem a superfície esmaltada, gerando cáries que, por conseguinte, proliferam bactérias causadoras do mau hálito.

Má higiene bucal

Também associada a má escovação, muitas vezes, porque o paciente não faz visitas regulares ao dentista, não segue orientação ou não usa escovas e fio dental adequado para os seus dentes.

O mau hálito, na maioria das vezes, é causado pelo depósito de resíduos alimentares na língua que, com a saliva mais espessa, leva a saburra lingual, causadora da halitose.

Gengivite

Gengivite é um problema bucal que ocorre quando a gengiva sofre irritação por causa da placa bacteriana e o tártaro. A gengiva fica vermelha, inchada, pode sangrar quando tocada e até coçar. Casos mais severos podem causar o mau hálito.

Periodontite

Já a periodontite é o caso mais grave de gengivite, causando rompimento das fibras que unem a gengiva, o osso e o dente. É comum a halitose nesta fase avançada da doença.

Em todo o caso, o paciente precisa apenas de orientação e, claro, o tratamento dentário.

2. Causas da halitose – Problemas respiratórios

O mau hálito também pode ser causado por condições respiratórias, como sinusite, bronquite e amigdalite.

Sinusite

A sinusite é uma inflamação dos seios nasais que obstrui a passagem de ar pelas vias aéreas e obriga a pessoa a respirar pela boca.

Esse ato resseca a mucosa bucal e a saliva, tornando-a mais grossa e mais fácil de aderir as células descamadas da cavidade oral por causa da respiração pela boca. A esse material é dado o nome de saburra lingual, uma das causas da halitose.

Além disso, o muco produzido pela sinusite goteja perto da garganta, favorecendo ainda mais a saburra.

Bronquite

A inflamação dos brônquios é uma das causas do mau hálito, mas além dele, outras doenças do trato respiratório superior – pulmões, traqueia, alvéolos pulmonares – também provocam a halitose por acumularem secreções bacterianas.

Amigdalite

O mau hálito por amigdalite – doença infecciosa que causa dor de garganta, febre e dificuldade para engolir – costuma ser caso de retirada das amídalas, mas já foi comprovado que só a remoção não é suficiente; é preciso tratar as alterações na saliva para evitar a saburra lingual.

3. Causas da halitose – Diabetes

Responsável por acometer 13.4 milhões de pessoas com a doença, a diabetes também causa mau hálito.

A doença silenciosa está associada a obesidade e ao sedentarismo, mas por meio de uma consulta ao dentista é possível identificar a doença periodontal (mais severa em diabéticos pela dificuldade em cicatrizar) e o hálito cetônico, que tem um cheiro semelhante a maçã velha.

O mau hálito decorre da falta de controle da diabetes que fazem com que pacientes sofram com as alterações no índice de glicose no sangue.

halitose-causas
A halitose pode ser causada pela diabetes,câncer de boca entre outras doenças.

4. Causas da halitose – Câncer de boca

O câncer de boca é um tumor que pode atingi qualquer parte da cavidade bucal. Como os primeiros sinais do câncer são feridas que não cicatrizam e sangramentos na boca, é comum a pessoa sofrer com a halitose.

5. Causas da halitose – Doenças hepáticas

Cirrose ou outras doenças que afetam o fígado também podem causar o mau hálito. O mau funcionamento do órgão impede a absorção de substâncias pelo organismo, liberando-as pelas vias aéreas em vez de serem excretadas.

6. Causas da halitose – Doenças renais

A insuficiência renal leva ao acúmulo de ureia no organismo e, ao entrar em contato com as vias aéreas, deixa o paciente com odor de amônia, podendo, em casos muito mais graves exalar um hálito com cheiro de urina.

7. Causas da halitose – Câncer de estômago

A “putrefação” que ocorre no câncer de estômago gera um odor muito desagradável, conhecido como hálito necrótico, pois o hálito é do tecido morto.



Gostou do conteúdo sobre as causas da halitose? Comece o tratamento agora mesmo e curta nossa página do Facebook!


About Portal Universo da Saúde

Universo da Saúde - Um portal com conteúdos de qualidade sobre saúde, doença, causas, tratamentos, remédios caseiros e cuidados. Aproveite nossos conteúdos gratuitos e tome cuidado com a sua saúde.

Check Also

emulsão scott

Emulsão Scott – O que é, para que serve benefícios e preço

A Emulsão Scott é o conhecido óleo de bacalhau, uma receita do tempo de nossos …