Corrente Russa

Realizar atividades físicas regulares e ter uma dieta balanceada é muito importante para uma vida mais saudável, mas nem sempre é possível eliminar aquela “gordurinha” localizada ou outros incômodos como as estrias e celulites que geralmente se localizam nos glúteos e coxas.

A corrente russa é uma das opções de procedimento estético capaz de atuar na flacidez da pele, o tônus muscular, entre outros benefícios. Essa técnica foi criada na Rússia e faz uso de um aparelho com corrente que é aplicado em seguidos disparos tendo uma média constância variada de 2.500 Hz.

corrente-russa-emagrece

Este conteúdo busca explicar o que é corrente russa, como funciona o procedimento, quais os seus efeitos para o corpo, tratamento, aliar com dieta e exercícios físicos, suas contraindicações, onde fazer, preços e muito mais. Confira!

O que é o procedimento corrente russa

A corrente russa é um aparelho usado principalmente em procedimentos estéticos, ele se baseia no estímulo elétrico utilizado para gerar uma contração nos músculos na área em que ele for aplicado.

Este equipamento promove melhorias no tônus muscular e também na flacidez da pele, além de incentivar a circulação linfática, do sangue e oxigenação celular.

No segmento estético as maiores solicitações são a melhoria da tonicidade dos músculos do rosto e do corpo, a redução da celulite e rugas faciais e da região do pescoço, além da modelagem corporal. É possível usar a corrente russa na recuperação do tônus muscular no pós-parto e pós-emagrecimento, como também no pré e pós-lipoaspiração.

Outra utilidade desse aparelho é a sua aplicação em métodos com fins terapêuticos, por exemplo, nos esportes, dessa forma os músculos dos atletas podem se reestabelecer e a circulação melhorar, de modo que exista um relaxamento depois da sobrecarga do treinamento.

Melhorias como cicatrização dos tecidos, minimização da dor, consolidação de fraturas, diminuição dos espasmos musculares, melhorias na deglutição, redução de edemas, melhora da incontinência urinária, disfagia e reabilitação de problemas neurológicos, neuropediátricas, patologia pulmonar obstrutiva crônica e doenças traumato-ortopédicas, são possíveis por meio da corrente russa.

Este procedimento foi criado na Rússia no período da década de 80, no começo era usada nos astronautas do país para melhorar a atrofia, flacidez e fadiga muscular, estes problemas ocorriam devido a falta de ação da gravidade na musculatura e também pelos longos meses que ficavam em orbita, sendo realizada a técnica quando voltavam das missões espaciais.

Resumidamente a corrente russa pode ser caracterizada como uma forma de massagear o corpo por meio dos impulsos elétricos.

Como funciona a Corrente Russa

O aparelho da corrente russa utiliza tecnologia avançada com vários eletrodos e placas de silicone com um gel condutor, sendo colocada no ventre muscular da área a ser trabalhada, ficando entre a pele e o eletrodo, de modo que são acoplados em cintas de elástico, permanecendo posicionado no músculo onde irá estimular e gerar impulsos elétricos, o que resultará na contração muscular.

corrente russa como funciona

É recomendado que sempre ao sentir o estímulo elétrico vindo, o indivíduo realize uma contração da musculatura no mesmo tempo.

O método pode ser usado principalmente em regiões, como braços, panturrilha, coxas, costas, glúteos e abdômen.

A corrente aplicada nessa técnica é de média e baixa frequência alternada de 2.500 Hz, ela utiliza um série de disparos separados e suas sessões tem duração entre 5 e 20 minutos. A corrente elétrica é despolarizada, dessa forma não existe o risco de choque elétrico, porém, é capaz de provocar dor em níveis diferentes, variando conforme a intensidade da corrente.

O propósito maior da corrente russa é produzir a potencialização muscular intensa, diminuindo  a percepção sensitiva do paciente. A corrente russa pode ser usada por profissionais médicos dermatologistas e fisioterapeutas que sejam capacitados no assunto.

Geralmente o número de sessões necessárias variam entre 10 a 20, elas podem ser realizadas entre 2 ou 3 vezes por semanas. A manutenção depois das sessões ocorrem de acordo com o caso e o objetivo do paciente e precisam ser orientadas pelo médico.

Efeitos da Corrente Russa: Benefícios e Vantagens

Com a corrente russa e a eletroestimulação é capaz de recrutar 40% a mais das fibras musculares se comparado as atividades físicas cotidianas.

Essa técnica tem ganhado espaço na busca de procedimentos estéticos no Brasil, isso tem ocorrido por causa dos seus inúmeros benefícios para a saúde, bem estar e também aparência estética.

Veja alguns dos benefícios da corrente russa:

  • Remodelação do corpo;
  • Redução da flacidez cutânea e muscular no geral;
  • Aumento do volume muscular;
  • Melhoria da circulação do sangue;
  • Oferecimento de uma melhor drenagem linfática;
  • Maior facilidade na realização de movimentos;
  • Redução de rugas do rosto e do pescoço;
  • Tonificação do abdômen de homens que estejam em evolução de massa;
  • Diminuição dos espasmos musculares e edemas;
  • Ajuda no tratamento de várias doenças;
  • Contribuição na melhorias da oxigenação muscular;
  • Promoção da maior agilidade ao fazer movimentos delicados;
  • Ajuda no processo de cicatrização da pele;
  • Tonificação do abdômen da mulher no período pós-parto ou não;
  • Proporcionamento de atuação nas fibras musculares vermelhas (tonicidade e força) e nas fibras brancas (velocidade), podendo ser utilizada por homens e mulheres em variadas áreas do corpo;
  • Redução da retenção de líquido;
  • Oferecimento de melhorias nos casos de incontinência urinária;
  • Diminuição da celulite de maneira mais eficaz e rápida;
  • Correção de alguma mancha na pele;
  • Possibilidade de ser aplicada por indivíduos que não praticam atividades físicas;
  • Contribuição positiva na vida de atletas promovendo excelentes resultados, como a melhora no estímulo das fibras musculares, o fluxo sanguíneo e também o sistema linfático.

Além de todos os benefícios físicos promovidos pela corrente russa, ela também traz melhoria da aparência e elevação da autoestima.

Corrente Russa Emagrece com o tratamento adequado

A corrente russa é um procedimento que pode ser aplicado como uma associação no tratamento de emagrecimento, relacionado com atividades físicas regulares e uma alimentação correta, pois ela auxilia na modelação do corpo, tonificação e definição dos músculos, porém, devido a sua atuação ocorrer na camada muscular, ela reduzirá a flacidez, mas não diminuirá a camada de gordura.

Finalizado o método é possível que o paciente venha a sentir pequenas dores musculares, para diminuir esse desconforto será necessário conversar com o médico para que este venha a indicar a melhor forma para resolver essa situação.

Como melhorar os resultados da Corrente Russa   

Para potencializar os resultados e benefícios corporais obtidos com a corrente russa, como é o caso da modelagem corporal, redução da flacidez etc, é importante aliar com:

Dieta: não há razão para conseguir bons resultados, como a diminuição da flacidez e celulite através da corrente russa se possuir uma alimentação incorreta, pois essa ação estimulará o retorno dos problemas. Reduzir ao máximo o consumo de comidas com açúcar, frituras, gorduras saturadas, carboidratos simples é fundamental para a manutenção dos resultados obtidos com o tratamento.

Exercícios físicos: mesmo que a corrente russa realize a ativação dos músculos ela produzirá uma força que logo será perdida se o músculo não for usado depois do procedimento em uma atividade física.

Contraindicações da utilização da Corrente Russa

Algumas contraindicações precisam ser observadas previamente ao tratamento com corrente russa. Antes de começar o procedimento, o médico realizará uma avaliação clínica e recomendará a intensidade correta da corrente usada para a contração muscular específica.

No entanto, há situações de contraindicação da aplicação desse método, como:

  • Lesões musculares tendinosas;
  • Insuficiência cardíaca;
  • Implantes metálicos;
  • Indivíduos que possuam o marca-passo;
  • Pessoas com doenças circulatórias, como, por exemplo, flebites, embolias, varizes e tromboflebites;
  • Cardiopatias congestivas;
  • Ligamentares que atrapalhem a contração muscular fisiológica;
  • Indivíduos que tenham pressão alta ou baixa;
  • Implantes metálicos;
  • Varizes;
  • Pessoas com processos infecciosos e inflamatórios;
  • Neoplasia;
  • Flebite;
  • Determinadas patologias reumatológicas;
  • Problemas renais crônicos;
  • Doença mental;
  • Fragilidade de vasinhos capilares;
  • Doenças pulmonares, como o enfisema;
  • Patologias de pele extensas;
  • Febre;
  • Pessoas com epilepsia;
  • Tumores na pele;
  • O procedimento não é liberado para mulheres gravidas, pois ainda não existem estudos suficientes que comprovem a segurança desse método para a mãe e o feto.

Para evitar maiores problemas é importante que você siga todas as orientações passadas pelo médico e observe as contraindicações.

Onde fazer: profissionais responsáveis

A corrente russa é um tratamento estético normalmente oferecido por clínicas de estética ou centros de fisioterapia, ele somente deverá ser feito por profissionais médicos dermatologistas ou fisioterapeutas que estiverem devidamente capacitados.

É muito importante que antes de realizar a técnica pesquisar sobre o local e o profissional, desse modo evitará possíveis problemas.

Preços do Tratamento com Corrente Russa

O valor do procedimento com corrente russa oscila muito, normalmente essa variação ocorre devido ao lugar, clínica, profissional responsável, número de sessões e a região que deverá ser tratada.

É importante pesquisar o melhor preço, porém, clínicas e profissionais que cobram um preço bem menor que o mercado, no geral, precisam ser avaliados e principalmente verificada a qualidade, pois em locais assim é interessante que o cliente sempre desconfie para que não pague por um serviço ruim.

É possível encontrar sessões de corrente russa entre R$ 40,00 a R$ 80,00 reais, sendo necessária, em média de 10 a 20 sessões. Lembre-se, dependerá de cada caso.

Gostou do conteúdo? Curta nossa página no Facebook e compartilhe com seus amigos!

5 (100%) 1 vote

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *