Home / Doenças / Doenças de Pele / Dermatite Seborreica: o que é, causas, sintomas e tratamentos

Dermatite Seborreica: o que é, causas, sintomas e tratamentos

A dermatite seborreica — também chamada de seborreia — é uma doença de pele comum, crônica, mas sem tanta gravidade, que causa inflamação na pele em áreas mais oleosas e representa 20% de incidência na população mundial.

Apesar desta forma de dermatite não prejudicar a saúde do portador, a dermatite seborreica se torna incômoda devido à coceira e às lesões, quando visíveis. A dermatite seborreica pode ser confundida com outras doenças de pele como:

  • Dermatite Atópica – doença inflamatória e crônica que provoca vermelhidão, coceira, manchas brancas e escurecimento da pele. Um das causas mais comuns apontam para o estresse e baixa temperatura.
  • Dermatite de Contato – Causada principalmente pelo contato com certos metais, tecidos sintéticos e produtos de limpeza.
  • Psoríase – A doença costuma acometer as articulações, como joelhos e cotovelos, além das mãos, pés, unhas e couro cabeludo.

Neste conteúdo vamos falar especificamente sobre a dermatite seborreica, suas causas, sintomas e os melhores tratamentos, confira!

O que é dermatite seborreica?

A dermatite seborreica é uma inflamação em áreas da pele que mais contém glândulas sebáceas, ou seja, áreas com grande oleosidade, como o couro cabeludo, rosto, orelhas, costas e peito. É caracterizada por lesões escamosas, avermelhadas e que causam coceira.

A dermatite seborreica costuma surgir no primeiro ano de vida e após a puberdade. Quando aparece ela se torna crônica, podendo ressurgir em qualquer idade, com lesões mais graves e melhora súbita.

A dermatite seborreica não é contagiosa e nem significa falta de higiene.

Causas da dermatite seborreica

Prevenção da dermatite
Previna a dermatite reduzindo a oleosidade

Assim como outras formas de dermatite, dermatite atópica, por exemplo, a dermatite seborreica não tem causa definitiva, mas muitos fatores podem desencadear a inflamação cutânea, como o fator genético. Outras possíveis causas estão listadas abaixo:

  • Excesso de oleosidade;
  • Estresse;
  • Baixa temperatura;
  • Alguns medicamentos;
  • Alimentos gordurosos;

Existe também a possibilidade do portador da dermatite seborreica ter alergia ao fungo do gênero Malassezia (chamada anteriormente de Pityrosporum ovale). A Malassezia
é um fungo presente na flora de germes da pele, mas o sistema imunológico de algumas pessoas pode rejeitar a presença deste fungo, levando aos sintomas da dermatite seborreica.

Fatores de risco para a dermatite seborreica

A dermatite seborreica é mais comum em homens do que em mulheres, além disso, sabemos que o excesso de oleosidade predispõe a inflamação na pele, mas há alguns fatores que podem aumentar o risco, são eles:

  • Alcoolismo;
  • Acne;
  • AIDS;
  • Psoríase;
  • Rosácea;
  • Depressão;
  • Mal de Parkinson;
  • Epilepsia;

Recém-nascidos são mais propensos a sofrer de dermatite seborreica, chamada de crosta láctea, mas não oferece perigo. Os sintomas incluem crostas grossas em tons amarelos e marrons no couro cabeludo. Conheça outros sintomas que também atingem adultos:

Sintomas da dermatite seborreica

  • Pele e couro cabeludo oleosos;
  • Crostas que descamam;
  • Caspa no couro cabeludo, sobrancelhas, barba e bigode;
  • Blefarite (descamação e vermelhidão das pálpebras);
  • Coceira e queimação (pele ardida);

Lábios, vincos do nariz e atrás das orelhas também podem ser acometidos pela dermatite seborreica.

Dermatite seborreica no rosto

A dermatite no rosto pode se apresentar com erupção nas bochechas, nariz e fronte. Na região das sobrancelhas pode ocorrer descamação em flocos, a pele ao redor pode ficar avermelhada e pruriginosa.
Nas bordas das pálpebras a região tende a sofrer blefarite, uma condição que deixa o local amarelado ou com a aparência de granulado.
As lesões nas orelhas, acometidas pela dermatite seborreica, são chamadas de otomicose devido à infecção fúngica. Outra área atingida é no lábio superior, chamada de foliculite, e costuma atingir homens.

Dermatite seborreica no couro cabeludo

A dermatite seborreica no couro cabeludo apresenta-se como caspa ou pitiríase seca. Trata-se de uma descamação, em flocos, em formato de placas, podendo apresentar-se também com vermelhidão e crostas mais espessas, recebendo o nome de pitiríase esteatoide.
O cabelo com seborreia recebe um aspecto oleoso, brilhante, sujo, podendo sofrer de mau cheiro. Lesões graves da seborreia no couro cabeludo são manifestadas por placas descamativas, gordurosas ou com erupções.

Tratamento para a dermatite seborreica

A dermatite seborreica costuma desaparecer sozinha, mas como os sintomas não são agradáveis e, por vezes, demoram muito tempo para sumirem, existem tratamentos para amenizar a seborreia.

Tratamento para dermatite seborreica no corpo e rosto

  • Pomadas antifúngicas, como hidrocortisona + Cetoconazol;
  • Cremes ou loções de corticosteroides;
  • Produtos que contenham enxofre;

Tratamento para a dermatite seborreica no couro cabeludo

Se a dermatite seborreica atingir o couro cabeludo de adultos, pode-se fazer uso de shampoos anticaspa que contenham os seguintes ingredientes:

• Cetoconazol;
• Ácido salicílico;
• Piritionato de zinco;
• Ciclopirox;
• Clotrimazol;
• Sulfeto de selênio;
• Alcatrão;

Tratamentos caseiros para a dermatite seborreica

Tratamentos naturais dermatite seborreica
Remédios caseiros para o tratamento da dermatite

É sabido que, muitas vezes, temos opções em casa para tratar diversos problemas de saúde e, no caso da dermatite seborreica não seria diferente. Conheça os tratamentos caseiros contra a seborreia:

  1. Alho e óleo de coco

Com propriedades antifúngicas, o alho e o óleo de coco podem ser usados em conjunto para aliviar os sintomas da dermatite seborreica. Basta misturar um dente de alho esmagado em uma colher de sopa de óleo de coco e aplicar sobre o local com a seborreia. Caso haja queimação, lave imediatamente com água.

  2. Chá de cavalinha

A cavalinha é uma erva com alto teor de sílica, que ajuda na manutenção da pele e dos cabelos para mantê-los saudáveis. Em uma xícara de água, ferva 1 colher de sopa de cavalinha, depois deixe descansar e coe. Você pode tomar duas xícaras por dia.

  3. Óleo de alecrim

Misture 3 gotas de óleo de alecrim com uma colher de shampoo neutro. Depois é só lavar os cabelos.

  4. Bicarbonato de sódio



Muito utilizado como remédio natural para tratar vários problemas, o bicarbonato de sódio também pode aliviar os sintomas da seborreia. Aplique a mistura da 1⁄2 de uma colher de chá de bicarbonato de sódio em meio copo d’água na área afetada. Utilize um algodão para esse método e deixe por no máximo 10 minutos. Enxágue com bastante água e seque, em seguida.

  5. Argila verde

A argila verde é um excelente tratamento contra pele oleosa, com acne ou espinhas, e também útil contra a dermatite seborreica. Basta misturar um pouco de argila verde com apenas algumas gotas de água até formar uma máscara. Aplique duas vezes por semana. A máscara tem o poder de absorver a oleosidade e as células mortas.

  6. Vinagre de maçã

O vinagre de maçã pode oferecer brilho aos cabelos, mas também pode tratar a seborreia no couro cabeludo. Coloque partes iguais de água morna e vinagre de maçã em um frasco. Depois, use como spray e pulverize sobre as áreas afetadas. Não se esqueça que, se arder, lave imediatamente.
Seguir uma dieta balanceada composta por vitamina B7 (presentes na cevada, milho e aveia), zinco (aipo e espargo) e selênio (pepino, couve, maçã) também contribuem para a melhora do quadro da dermatite seborreica.
Caso não haja melhora com esses tratamentos, a pessoa deve procurar um dermatologista para ajudar a controlar as lesões. Alguns medicamentos podem ser receitados pelo médico, como veremos a seguir:

Medicamentos para a dermatite seborreica

Os remédios mais receitados para o tratamento da seborreia são:

• Meticorten;
• Cetoconazol;
• Cetoconazol + Betametasona;
• Cetobeta;
• Betnovate;
• Betametasona + Ácido salicílico;
• Betametasona + Sulfato de Gentamicina;
• Berlison;
• Cefanaxil;
• Clindamin-C;
• Diane 35;
• Diclin;
• Oto Betnovate;
• Fungirox;
• Novacor;

Em caso de esquecer e tomar mais do que o receitado, siga as instruções da bula do remédio.

Este conteúdo sobre dermatite saboreica foi útil para você? Comente e curta a página O Universo da Saúde no Facebook.


Veja!

rosacea

Rosácea – Tipos, causas, sintomas, tratamentos e prevenção

Caracterizada principalmente pela vermelhidão da pela do rosto, especialmente nariz e bochechas, a rosácea é …