Home / Beleza / Escova Progressiva

Escova Progressiva

Muitas mulheres e alguns homens tem escolhido alisar os cabelos, geralmente a opção mais escolhida é a escova progressiva, também conhecida pelo nome “progressiva”.

Escolher a escova progressiva requer alguns cuidados, isso porque se esse tratamento capilar for usado com muita frequência é capaz de modificar a estrutura do cabelo. Normalmente, essa alteração ocorre devido o excesso de química que ainda pode danificar os fios, por isso uma boa dica é utilizar vitaminas para os cabelos, o que diminui a danificação.

escova progressiva

Este artigo irá explicar o que é escova progressiva, indicações, como é feita, sessões, contraindicações, se grávidas podem fazer, cuidados após o procedimento, complicações e muito mais.

O que é a escova progressiva

A escova progressiva é uma técnica que tem como objetivo o alisamento dos cabelos. Quando surgiu no Brasil ela passou a ser bem conhecida e desejada entre as mulheres, principalmente porque os seus efeitos tem um maior período de duração.

Este tratamento passou a ser chamado por esse nome, pois além de atuar no alisamento dos fios, ele também age na redução do volume de maneira progressiva, podendo chegar até 5 meses de duração, podendo variar de acordo com os cuidados que forem feitos.

Possuindo em sua fórmula a queratina no processo de alisamento, também usada na reconstrução capilar, os fios ficam mais hidratados. A chapinha utilizada no tratamento acaba auxiliando na fixação da queratina nos fios, o que os tornará ainda mais macios e bonitos, mas cuidado com a prática excessiva, pois pode ser uma das causas da calvície.

A principal composição da escova progressiva é o formol, ele é responsável por garantir o alisamento do cabelo, porém a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) instituiu que os produtos que fazem uso desse elemento em procedimentos para alisar os fios devem ter no máximo 0,2% dessa substância química na sua concentração, pois ele é capaz de causar riscos a saúde. Atualmente, o formol quase não está presente na fórmula da escova progressiva.

Outras substâncias presentes na escova progressiva são os cremes emolientes e queratina. Com o passar do tempo, a química some do cabelo, sendo necessário refazer todo o tratamento no período indicado pelo cabeleireiro.

Indicações de Uso de Escova Progressiva

O método da escova progressiva é recomendado alisar os fios, também serve para a remoção do frizz e o volume dos cabelos.

Antes de iniciar esse tratamento é ideal que o profissional a realizá-lo tenha o devido conhecimento e também seja de confiança da cliente.

Geralmente a escova é indicada para mulheres que possuem os cabelos:

  • Crespos;
  • Volumosos e ressecados;
  • Ondulados;
  • Rebeldes e armados.

Uma boa dica para saber se o cabeleireiro está apto para realizar o procedimento é pedir para olhar os certificados e qualificações, isso deixará você mais tranquila. Lembrando que você também pode gostar de uma selagem capilar, vai deixar os fios lindos.

Como Funciona a Escova Progressiva

A escova progressiva deverá ser feita no salão de beleza através de um profissional qualificado, pois esse método é complexo e envolve a manipulação de produtos químicos que requer muita atenção, podendo, inclusive, comprometer o crescimento capilar.

Passo a passo da escova progressiva:

  • O processo se inicia por meio da lavagem dos cabelos com um shampoo de limpeza profunda.
  • Logo após, o cabelo deverá ser secado e o profissional passará o produto;
  • Depois que ele é aplicado os fios voltaram a ser secados, mas dessa vez com o produto;
  • O cabeleireiro modelará os fios através de uma chapinha, possibilitando que eles fiquem lisos;
  • No final é realizado um enxague;
  • Será aplicado ao cabelo um creme de tratamento para finalizar.
▷ Conheça as 8 doenças degenerativas mais comuns no Brasil.

Atualmente, grande parte das escovas são produzidas com carbocisteína, um tipo de aminoácido que abre as estruturas do fio, isso possibilita que o alisamento ocorra após a ação da chapinha.

No entanto, para que o alisamento perfeito aconteça, os fios deverão ser fechados novamente. Seria nessa parte que o formol deveria agir, porém, o número recomendado pela Anvisa não é suficiente para que o produto surta o seu efeito.

Pensando nisso, algumas empresas fabricantes o substituiu pelo tioglicolato de amônio e a etalonamina, elementos próximos ao formol, mas estes causam danos menores ao cabelo.

Sessões: Quanto tempo dura a progressiva?

Feito o alisamento com a escova progressiva, os seus efeitos duraram por cerca de 3 a 5 meses, o tempo pode variar de acordo com o tipo do cabelo e a quantidade de lavagens, pois o produto normalmente sairá conforme os fios são lavados.

Geralmente, o momento correto para que o processo seja refeito é a partir do instante em que se percebe o crescimento da raiz e isso passa a ser algo incômodo.

Outro motivo para essa técnica ser chamada de progressiva é o fato que a cada vez em que ela é feita, são percebidos melhores resultados nos cabelos, promovendo o alisamento e a diminuição do frizz e volume.

Contraindicações ao fazer Escova Progressiva

Antes de iniciar o tratamento com a escova progressiva é importante observar as suas contraindicações para evitar possíveis danos aos cabelos ou outros problemas.

Esta técnica não é recomendada para:

  • Mulheres que possuem o couro cabeludo sensível;
  • Pessoas que tenham o cabelo muito oleoso não devem realizar a escova progressiva, pois ela pode resultar em uma oleosidade ainda maior, o que normalmente irá gerar bastante incômodo;
  • Mulheres que nunca realizaram química nos cabelos não são totalmente contraindicadas, porém os resultados não serão os melhores ao realizar a escova progressiva;
  • Pessoas com cabelo afro não devem realizar a técnica da escova progressiva, isso porque os fios costumam ser mais porosos, o que poderão ser facilmente danificados por esse método.

Grávidas podem fazer escova progressiva?

Uma das maiores dúvidas das grávidas é com relação aos cuidados com a beleza, principalmente no que se refere aos cabelos, sejam elas as tinturas, alisamentos ou químicas.

No entanto, com relação à escova progressiva, ela não é indicada as gestantes, isso porque boa parte das químicas usadas pelos profissionais da beleza para alisar os fios envolvem o formol.

Esse elemento pode contribuir para o desenvolvimento das células cancerígena e também prejudicar a formação do feto, isso acontece quando ele entra em contato com o couro cabeludo e passa para a corrente sanguínea da mãe, ainda mais se for usado nos primeiros 3 meses da gravidez, principal período do desenvolvimento.



Cuidados após a progressiva

Depois que a escova progressiva é feita alguns cuidados devem ser tomados, eles são:

  • É recomendado que após a realização da técnica, shampoos de limpeza profunda ou anti-resíduos sejam evitados, isso porque eles reduzem o tempo do efeito do procedimento;
  • É indicado que a mulher realize a hidratação dos cabelos mais vezes, já que a escova progressiva pode ressecar bastante as pontas dos fios e ainda deixá-los mais elásticos, pois altera a distribuição da queratina no cumprimento dos cabelos.
  • A hidratação não deve ser feita com limpeza profunda, pois atuará da mesma maneira que o shampoo de igual finalidade;
  • Na lavagem os cabelos devem receber uma boa quantidade de condicionador para reduzir a fragilidade dos fios;
  • A hidratação deve ser constante, sempre evitando processos como a descoloração ou tingimento dos cabelos, se feitos em intervalos pequenos depois que realizado a técnica, pois os danos podem ser maiores;
  • Caso o cabelo fique quebradiço ou com frizzy, a escova progressiva deve ser interrompida por um tempo para que os novos fios possam substituir o cabelo danificado;
  • Não se deve dormir com os cabelos molhados, pois isso pode alterar a estrutura dos fios;
  • Caso o cabelo fique muito liso e desagrade a mulher, o cabeleireiro poderá fazer uso de um reconstrutor de cachos, isso fará com que o cabelo fique mais ondulado.

Complicações

O uso da escova progressiva com formol em concentrações maiores que 0,2% pode causar algumas complicações, as mais comuns são:

  • Queimadura;
  • Desmaio;
  • Descamação do couro cabeludo;
  • Ardência nos olhos,
  • Queda de cabelo;
  • Tosse;
  • Falta de ar;
  • Dores de cabeça;
  • Vômito;
  • Ânsia de vômito.

Gostou do conteúdo e dicas de cuidados com a escova progressiva? Comente e compartilhe com suas amigas!


Veja!

dermacosmeticos

Dermocosméticos

Os dermocosméticos já são conhecidos das mulheres, principalmente as que estão acima dos 30 anos …