Home / Beleza / Heccus- O que é, como é feito e riscos

Heccus- O que é, como é feito e riscos

Várias mulheres estão buscando pela boa forma física, para atingir os seus objetivos optam pela reeducação e a prática de atividades físicas.

Nem sempre a mudança na alimentação e a prática de exercícios físicos conseguem eliminar 100% aquela “gordurinha” indesejada, a partir daí muitas clínicas de estéticas promovem tratamentos que prometem ajudar as mulheres a resolverem esse problema de uma vez por todas.

Existe um procedimento não invasivo que tem atraído o olhar feminino, o nome dele é heccus.

O heccus combina três terapias, sendo elas: terapia por correntes de média frequência, terapia por ultrassom e terapia conjunta.

Essa técnica é considerada uma novidade, ela promete diminuir a celulite, reduzir as medidas, eliminar a gordura localizada e os líquidos retidos, auxiliar no pré e pós-operatório e melhorar a consistência da pele.

Este artigo explicará o que é heccus, como é feito, indicações, quantas sessões são necessárias, contraindicações e riscos.

Saiba mais sobre o heccus e esclareça suas dúvidas com relação ao assunto.

O que é o Heccus

O heccus é um procedimento estético que utiliza ultrassom de alta potência, correntes elétricas de média frequência e polarizadas para acelerar o metabolismo das gorduras na região trabalhada, dessa maneira a gordura será eliminada e filtrada pelo fígado e rins, o resultado final é uma pele mais bonita.

heccus o que é
O heccus pode eliminar completamente aquelas gorduras indesejadas no seu corpo

Esse tratamento é uma excelente maneira de destruir aquela gordura indesejada, além disso, ele irá atuar na redução da celulite.

O heccus também trabalha na pele das pessoas que perdem peso rapidamente e ficam com os tecidos flácidos, ele contribuirá dando mais firmeza a região.

Uma grande vantagem do heccus é que ele não é um procedimento invasivo, desse modo, não haverá a necessidade de agulhas, cortes ou qualquer outro tipo de perfuração na pele.

O heccus utiliza no tratamento um gel condutor, ele será passado pelo profissional na área a ser tratada para que o ultrassom e as correntes elétricas possam deslizar pela região com maior facilidade.

Essa técnica não causar dor ao paciente, o que pode ocorrer é uma sensação de calor e um pequeno incômodo, mas a aplicadora pode diminuir. O método não contraindica a exposição ao sol.

Como é feito

O heccus se inicia com a paciente deitada na maca, após isso é feita uma aplicação do gel condutor e outro com princípios ativos próprios que atua quebrando as células de gordura do local.

A profissional técnica usará o cabeçote do aparelho para deslizar em movimentos lentos e circulares em toda a região a ser trabalhada, será então emitido o ultrassom e a corrente.

O ultrassom ajuda na quebra de células gordurosas, já a corrente elétrica intensifica essa atividade, além disso, estimula a atuação dos vasos linfáticos, contribuindo com a remoção da gordura por meio da urina.

As sessões desse tipo de tratamento costumam ser bastante rápidas e indolores, não há restrição para nenhum tipo de pele e pode ocorrer em qualquer período do ano.

A recuperação do heccus é imediata e promove diversos benefícios ao paciente, dentre eles os mais relevantes são: redução da gordura localizada, diminuição da celulite, firmeza da pele e contribui para o melhor contorno corporal, deixando o corpo com maiores curvas.

Como o heccus não causa dor ou hematomas, finalizado o tratamento a paciente pode retomar as sua atividades cotidianas sem nenhum problema.

Uma boa alimentação unida a atividades físicas podem potencializar os efeitos do heccus.

Indicações

O Heccus é recomendado qualquer pessoa podendo ser realizado por homens e mulheres que desejam eliminar a celulite, gordura localizada e a flacidez da pele.

A procura por esse tratamento é constante devido os benefícios da sua atuação, dentre eles vale destacar: o estímulo do sistema linfático, promovendo uma melhora na drenagem linfática, também atua na redução da pele flácida, visto que esse problema é algo que incomoda muitas pessoas, principalmente quando existe uma perda de peso repentina.

Outros aspectos derivados do heccus é a melhoria na definição dos músculos, a diminuição das medidas e celulites, ionização e eletroporação de ativos, cicatrização de úlceras e analgesia, hidrolipoclasia e outras terapias combinadas.

As regiões do corpo mais procuradas são: os famosos “pneuzinhos”, a coxa e parte posterior dela e também a área do abdômen.

Ele pode ser indicado também para tratamentos pós-cirúrgicos, isso porque ele proporciona a elevação da atividade metabólica, gerando uma rápida reabsorção de hematomas, também contribui para a formação de colágeno, evitando assim a formação de aderências depois da cirurgia.

Você também pode gostar destes conteúdos:

Quantas sessões são necessárias

O número de sessões do heccus pode variar de acordo com a necessidade de cada cliente, porém a quantidade mínima para qualquer pessoa são 10 sessões, sendo recomendado no máximo 30 sessões, os dias devem ser alternados, sendo indicado a realização de até 2 sessões por semana.

A cada sessão estimasse a perda em média de 4 cm de medidas, porém na primeira vez a redução não é definitiva. Ocorre que na 1º sessão acontecerá a quebra das moléculas de gordura, no entanto, o que será dispensado é o excesso de líquido na área do abdômen.

Alguns indivíduos podem perceber uma dificuldade no início do tratamento com heccus na eliminação das medidas, porém isso normalmente acontece quando a pessoa já possui um problema na aceleração do seu metabolismo, desse modo à técnica terá maior dificuldade para apresentar os resultados esperados.

Tomar bastante água durante o heccus é totalmente indicado, pois dessa maneira a gordura eliminada será liberada da melhor forma possível pelo organismo.

Para obter os melhores resultados é preciso que a técnica seja feita até o final, o que será necessário pelo menos as 10 sessões recomendadas.

O preço de cada sessão pode custar em volta de R$ 80, podendo variar dependendo da região do país e da clínica de estética que oferece o tratamento.

Contraindicações

Semelhante a alguns tratamento estéticos o heccus também possui certas contraindicações, são elas:

  • A técnica não é recomendada para pessoas que possuam o DIU ou marca-passo, isso porque eles podem ser prejudicados devido as correntes elétricas. Caso a cliente mesmo assim deseje, ela deverá consultar o médico e solicitar uma autorização;
  • Mulheres em período gestacional não podem realizar o heccus;
  • Caso o indivíduo tenha problemas hepáticos sérios esse procedimento não é liberado, visto que ele pode se tornar um problema extra, pois a gordura eliminada necessitará ser processada, o que elevará as chances de ocorrer outras dificuldades no seu quadro;
  • Outro grupo de pessoas que não podem fazem uso desse procedimento são os cardiopatas;
  • No caso do cliente possuir equipamento auditivo, ele terá que ser retirado durante o tratamento;
  • Indivíduos com tumor ou infecção na área em que será realizada a técnica não devem realizá-la;
  • Pessoas com hipertensão;
  • Indivíduo com diabete descondensada;
  • Cliente que tenham reações alérgicas a corrente elétrica;
  • Paciente com epilepsia;
  • Áreas de trombose e neoplásicas ou sobre regiões onde o tumor foi retirado.

 

contraindicações heccus
Mulheres não devem realizar este procedimento durante a gravidez para não ter problemas em sua gestação

Riscos

É comum que os tratamentos estéticos possam gerar algum tipo de efeito colateral ou risco, no caso do heccus alguns problemas e complicações pode surgir, isso no caso do cliente não seguir as contraindicações.

Portanto, é muito importante e necessário que o indivíduo tenha atenção com a área que será escolhida para realizar a técnica, assim como a clínica estética e o profissional.

 

Gostou deste artigo sobre heccus? Então deixe um comentário e curta O universo da saúde no Facebook!


Veja!

dermacosmeticos

Dermocosméticos

Os dermocosméticos já são conhecidos das mulheres, principalmente as que estão acima dos 30 anos …