Home / Sintomas / Hérnia de disco – Tipos, causas e sintomas.

Hérnia de disco – Tipos, causas e sintomas.

A dor na coluna é um incômodo que afeta homens e mulheres, porém atinge também crianças. Ela é uma das maiores reclamações feitas por pacientes durante o atendimento clínico.

Essa dor pode ser caracterizada como hérnia de disco, uma doença que atinge boa parte da população brasileira e é um dos principais motivos que faz um funcionário se aposentar ou se afastar do trabalho.

Existem vários motivos que levam um indivíduo a apresentar hérnia de disco, um dos mais relevantes é a má postura. Geralmente as pessoas não se preocupam com a maneira certa de sentar, de levantar peso, realizar exercícios físicos ou fazer uma tarefa, essa falta de atenção pode gerar consequências desagradáveis como a dor nas costas.

A hérnia de disco possui tratamento que quando seguido corretamente pode melhorar a situação e até levar o paciente a ter uma vida normal.

Este artigo abordará o que é hérnia de disco, tipos, causas, sintomas, diagnóstico, tratamentos, hérnia de disco na gravidez e como prevenir a hérnia de disco.

Saiba mais sobre a hérnia de disco e esclareça suas dúvidas com relação ao assunto.

O que é

No corpo humano é encontrada uma estrutura chamada de disco intervertebral, nela está presente um líquido semelhante a um gel.  Essa estrutura se localiza no meio de duas vértebras.

Quando o disco apresenta uma fenda ou enfraquecimento, o líquido que se mantém nele se expandi ou abaúla, isso pode acabar resultando no derramamento da substância.

Caso essa ação ocorra em grandes proporções fazendo com que o elemento gelatinoso saia para a parte externa, causará na diminuição de volume do disco, a esse acontecimento é dado o nome de hérnia de disco.

Hérnia de disco o que é
A hérnia de disco pode causar dores muito fortes e deve ser tratada imediatamente para não piorar

A dor sentida pelo indivíduo com essa patologia irá depender do local no qual o líquido sair. Em alguns casos essa ação não gera dor.

No país a hérnia de disco é apresentada como um dos fatores que mais levam as pessoas a sentirem dor nas costas. Essa doença resulta em diversos afastamentos nas empresas e pedidos de aposentaria por invalidez.

A indicação médica do indivíduo como portador da hérnia de disco é capaz de descontinuar as atividades do paciente no trabalho, isso porque o esforço realizado durante o trabalho pode agravar as dores, gerar risco de vida ou limitações.

O sedentarismo é apontado como um dos fatores que tem incentivado o aparecimento da hérnia de disco, isso porque a falta de atividade física e a postura incorreta contribuem bastante.

Tipos

A hérnia de disco pode ser classificada em 3 tipos, são eles:

Hérnia de disco protrusa

Nesse caso o disco é alargado, porém o “gel” se mantém junto da estrutura.

A base do disco é expandida e torna-se mais extensa que o diâmetro de origem.

A hérnia protrusa pode causar bastante sensibilidade nervosa, dores e limitações.

Hérnia de disco extrusa

O tipo extrusa ocorre quando o disco se rompe e o líquido vaza através da fenda, ocorrendo assim à perda de contato do fragmento com o anel fibroso.

Hérnia de disco sequestrada

O tipo sequestrada acontece quando a parede do disco se rompe e o conteúdo passa para o interior do canal medular, podendo ir para baixo ou para cima. O resultado dessa ação pode ser bem doloroso para o paciente, o alívio pode vim por meio de remédicos ou procedimento cirúrgico.

Causas

Alguns fatores são responsáveis por causar ou prejudicar a hérnia de disco:

  • Genética;
  • Idade avançada;
  • Postura inadequada ao sentar, segurar peso, se abaixar, se levantar e realização de tarefas que exijam grande esforço físico;
  • Excesso de peso;
  • Ações repetitivas;
  • Traumas diretos;
  • Fumo;
  • Sedentarismo;
  • Ficar sentado ou em pé por um longo período;
  • Exercício físico incorreto.

Antes de descobrir a hérnia de disco, vários pacientes já apresentaram dores nas costas há muito tempo e com longos períodos de duração. Esse sintoma é um sinal gerado pelo corpo e requer bastante atenção.

Sintomas

O sintoma mais frequente da hérnia de disco é a dor no local da lesão do anel fibroso, esse incomodo pode afetar várias partes do corpo.

Se a patologia está concentrada na coluna cervical, as dores poderão surgir nos ombros, dedos, nuca, pescoço, mãos e braços. Outros sintomas envolvem dificuldades em movimentar os braços e pescoço.

Quando lombar, o paciente sente dores nos pés, pernas e na parte mais baixa das costas, dificuldades em se levantar ou abaixar, além de formigamento, queimação, dores e dormência na região interna da coxa.

Alguns indivíduos durante a consulta médica informam que a dor é bastante incômoda e não passa quando mudam de posição, o incômodo se intensifica quando dormem.

A hérnia de disco pode surgir rapidamente ou ir se agravando com o passar do tempo. Os casos mais graves são capazes de causar enfraquecimento das pernas e incontinência urinária.

Diagnóstico

A hérnia de disco pode ser diagnosticada através da consulta clínica, nela o paciente informará quais são as suas dores, como funciona a sua rotina em casa e no trabalho.

Alguns exames podem auxiliar a identificar o tamanho da lesão e a região onde ela se encontra, sendo eles: exame físico, tomografia, ressonância ou raio X.

O raio X não consegue passar com muita clareza o alinhamento da coluna e nem o seu atual estado, mas o médico solicita inicialmente para que através do seu resultado possa pedir outros exames.

Se o diagnóstico da hérnia de disco for confirmado, o médico da área poderá recomendar alguns tratamentos.

Você também pode gostar destes conteúdos:

Tratamentos

A patologia hérnia de disco pode ser classificada em diferentes tipos e fases.

Quando a doença é considerada leve ou moderada podem ser indicados alguns tratamentos como: pilates, hidroterapia, fisioterapia, RPG e medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos.  Grande parte dos pacientes que cumprem o tratamento, conseguem voltar a uma vida comum e sem prejuízo as suas atividades diárias.

No período do tratamento é orientado que o indivíduo se distancie da possível motivação que resultou na doença e não realize nenhum esforço ou prática de exercício físico.

É considerada uma minoria os pacientes que não conseguem nenhum efeito as técnicas convencionais, mas quando isso acontece pode ser recomendado pelo médico tratamentos específico como, por exemplo, injetável, radiofrequência ou cirurgia.

O tempo de recuperação da hérnia de disco pode variar entre cada indivíduo, isso levando em consideração o tipo e estado da lesão. O tratamento seguido corretamente pode acelerar o processo de recuperação.

Hérnia de disco na gravidez

Caso a grávida possua hérnia de disco, durante a gestação o problema poderá se agravar.

Isso ocorre porque nesse período a mulher tende a alterar a sua postura por causa do peso da barriga, refletindo na curvatura da coluna lombar. Para compensar o peso, a lordose lombar aumenta, isso resulta em uma sobrecarrega na região inferior da coluna que acaba causando fortes dores nas costas

Para melhorar essa situação a paciente pode tomar alguma medicação desde que prescrita pelo médico, repousar deitada colocando as pernas em cima de uma almofada, usar compressa morna na região que estiver doendo, praticar atividades físicas acompanhada de um profissional, ter uma alimentação balanceada e corrigir a postura.

Como prevenir a hérnia de disco

Seguem abaixo algumas dicas para prevenir a hérnia de disco:

  • Prefira usar escadas ao invés de elevadores;
  • Faça caminhada;
  • A cada 30 minutos sentado durante o trabalho, busque se levantar e se movimentar um pouco;
  • Pratique exercícios físicos;
  • Se atente a postura;
  • Evite fumar;
  • Busque alimentos saudáveis.

 

evite fumar hérnia de disco
Fumar pode piorar as dores e também levar a outros problemas que podem ser mais graves

Espero que este artigo sobre hérnia de disco tenha lhe ajudado e esclarecido as suas dúvidas e curiosidades, se gostou deixe um comentário com sua opinião sobre o assunto!

 

Gostou deste artigo sobre hérnia de disco? Então deixe um comentário e curta O universo da saúde no Facebook!


Veja!

bolhas na pele

Bolhas na pele: o que pode ser?

Talvez você tenha percebido o aparecimento de bolhas na pele e esteja preocupado com o …