Termogênicos – Benefícios, como consumir e quantidade recomendada

De acordo com os padrões de beleza colocados por nossa sociedade nos dias atuais, um corpo bonito é um corpo magro e isso tem feito muitas pessoas buscarem formas de emagrecimento rápidas e eficazes.

Um dos queridinhos das pessoas que buscam emagrecer são os termogênicos.  Eles são encontrados em forma de suplemento ou em alimentos que ajudam a combater a fome e aceleram nosso metabolismo auxiliando o processo de perda de peso.

O termo termogênico vem de termogênese, que é um processo que ocorre naturalmente em nosso corpo para controlar a temperatura interna do organismo gerando ou liberando calor conforme necessário para equilibrar essa temperatura.

A termogênese está diretamente ligada ao metabolismo e ao gasto de energia. Todas as nossas atividades gastam energia e o nosso organismo, a todo instante, gasta energia e esse gasto ajuda no emagrecimento. Os termogênicos auxiliam no emagrecimento, pois ajudam no gasto energético.

O que são termogênicos?

Termogênicos são substâncias que aceleram o metabolismo e a eliminação de gordura do corpo, são conhecidos como “queimadores de gordura”.

Os termogênicos ajudam o corpo a transformar em energia as calorias obtidas na alimentação. Eles aumentam a temperatura corporal, eliminando mais gordura.

Essas substâncias devem ser usadas como complemento da alimentação e da atividade física e também podem fazer parte das refeições como alimentos naturais que aceleram o metabolismo do organismo.

No que se refere a alimentos termogênicos, estes possuem em sua composição substâncias que aumentam a temperatura do corpo, acelerando o metabolismo.

No grupo de alimentos termogênicos se destacam a pimenta vermelha, a mostarda, o gengibre, o vinagre de maçã, a cafeína, o chá verde, o chá de hibisco, água gelada, óleo de coco e ômega 3. Esses alimentos ajudam a reduzir as gorduras corporais, mas não fazem milagres, por isso é importante aliar a eles, atividade física e uma dieta rica em vitaminas e fibras que ajudam a regular o organismo e a protege – lo.

Em relação aos suplementos termogênicos, é preciso tomar um cuidado especial ao consumi – los. Isso porque cada suplemento vai possuir uma concentração diferente das substâncias que aceleram o metabolismo queimando gordura, além de terem outras substâncias presentes na composição como estimulantes e anabolizantes que se tomados em excesso pode causar sérios danos a saúde, por isso a orientação de um médico especialista é fundamental para garantir o efeito eficiente desses produtos.

Benefícios dos termogênicos.

Os termogênicos como complementos a uma rotina saudável e usados com equilíbrio trazem muitos benefícios à saúde como a aceleração do metabolismo com maior queima de gordura, mais disposição, mais energia obtida com a queima calórica, energia para realização de atividades físicas mais intensas e um emagrecimento mais acelerado.

É uma fonte de energia que auxilia nas rotinas do dia a dia e por ser uma fonte de energia, se forem usados de forma incorreta podem gerar uma sobrecarga ao organismo e produzir efeitos colaterais prejudiciais ao corpo.

Você também pode gostar destes conteúdos:

Como consumir os termogênicos e qual a quantidade recomendada?

Como já falado anteriormente, os termogênicos são encontrados em forma de suplementos ou em alimentos.

Em relação aos alimentos os mais conhecidos e utilizados são:

  • Pimenta vermelha é rica em capsaicina que dá o ardor na pimenta e acelera o metabolismo, retirando e quebrando a gordura acumulada no tecido adiposo. Usada como condimento durante as refeições.
  • Chá verde tem ação detox e termogênica por causa da catequina que faz parte de sua composição. A catequina é um polifenol que vai agir como antioxidante. Ela aumenta o gasto energético e ajuda na queima de calorias. Usado em chás de 3 a 4 vezes ao dia entre intervalos das refeições.
  • Gengibre acelera o metabolismo em 10%. Pode ser usado em chás, saladas, cru ou misturado aos alimentos. Tem ação anti-inflamatória.
  • Cacau possui em sua composição a teobromina, que é antioxidante, e a cafeína que auxilia no gasto de calorias. É necessário consumir 30g de cacau puro para que haja queima de calorias, mas deve ser usado o cacau puro em forma de semente em pó.
  • Canela é rica em cálcio mineral que auxilia no emagrecimento, no aumento do metabolismo basal, que é a quantidade mínima de energia gasta para manter as funções vitais do organismo quando se encontra em repouso. Usar com frutas ou líquidos.
  • Água Gelada , ao ser ingerida, obriga o organismo a gastar energia para manter sua temperatura ideal. Tomar a vontade.
  • Vinagre de maçã natural acelera o metabolismo. Não pode ser o vinagre processado. Ingerir meia colher de sopa duas vezes ao dia ou como tempero.
  • Cafeína libera adrenalina que age no sistema nervoso central e estimula a concentração e o humor, acelera o metabolismo basal e facilita na digestão com o aumento da produção de suco gástrico. É recomendada a ingestão de 400mg de cafeína por dia para o efeito mais eficiente.
  • Ômega 3 ajuda a aumentar a temperatura do corpo obrigando – o a gastar mais energia durante a digestão dos alimentos. Consumo recomendado, porém, sem quantidade estabelecida, pois vai variar do biótipo físico da pessoa, é de 250 a 500mg por dia.
  • Chá de hibisco possui grande quantidade de flavonoides e ácidos orgânicos que aceleram o metabolismo, a digestão, tem ação diurética que evita acúmulo de gorduras e previne retenção de líquidos. Consumir uma a duas xícaras de chá por dia.

No que se refere aos suplementos, seu uso deve ser feito sob orientação médica, pois são altas concentrações de substâncias que aceleram o metabolismo e estimulam a produção de energia para maior rendimento nas atividades físicas.

Há no mercado inúmeras marcas de suplementos termogênicos que utilizam como principal princípio ativo de suas composições a cafeína, combinada com outras substâncias em grande parte naturais, de forma concentrada. Essa combinação resulta em agentes que aceleram o metabolismo e queima de gordura ao longo do dia, que por sua vez vai gerar mais energia para a realização de exercícios físicos e outras atividades do cotidiano. Agem também como inibidores de apetite e diuréticos, eliminando a retenção de líquidos.

É encontrado nos suplementos termogênicos substâncias como anfetamina e efedrina, substâncias proibidas pela ANVISA, que tornam seu uso incorreto, um perigo real para saúde, por isso evite suplementos com essas substâncias.

Entre os suplementos mais consumidos estão Abelhinha (Oficial Farma), Lipo – 6 (Nutrex), OxyElite Pro (USP Labs), Pro Stim (Jay Cutler), MD2 Meltdown (VPX Sports), Ripped Fast Metabolic (Universal Nutrition) Therma Pro Hardcore (Integral Médica), 4 CUT 4 FUEL (Nutracom) e Ripped Juice Ex² (Betancourt Nutrition).

A quantidade recomendada a ser utilizada depende do tipo de atividade a ser realizada. Buscar orientação profissional é fundamental porque ele vai avaliar sua condição física e vai recomendar o melhor suplemento de acordo com seu biotipo físico.

Riscos ao consumir em excesso.

O consumo em excesso ou sem orientação profissional pode trazer sérios riscos à saúde, tais como: problemas cardiovasculares, pressão alta, acidente vascular cerebral (AVC), insônia, alterações de humor, ansiedade, falta de ar, insuficiência renal, problemas no fígado e complicações pulmonares.

É preciso lembrar que os termogênicos são uma ferramenta auxiliar no processo de emagrecimento, no aumento de produção de energia e melhoramento do funcionamento do organismo. Devem ser usados como complementos a uma rotina saudável de boa alimentação e prática regular de exercícios. Com o uso correto eles são grandes aliados à saúde do corpo.

Gostou deste artigo sobre termogênicos? Então deixe um comentário e curta O universo da saúde no Facebook!

5 (100%) 36 votes