Dor de ouvido e garganta: O que pode ser?

A dor de ouvido e a dor de garganta são dois dos mais comuns problemas de saúde e muitas vezes aparecem quando menos esperamos. As causas para isso são as mais diversas possíveis, sendo muito comum aparecer no verão, que é uma época em que consumimos líquidos muito gelados.

Muitas vezes, a dor de ouvido e a dor de garganta aparecem isoladamente, mas também uma pode acabar desencadeando a outra.

Você apresenta estes sintomas? Então descubra quais são as causas da dor de ouvido e garganta e como aliviar este tipo de dor através de remédios caseiros e farmaceuticos.

Dor no ouvido e garganta: O que pode ser?

Como dormir com uma dor de ouvido ou uma dor de garganta? Você sabe o que fazer quando este tipo de dor aparece?

Antes de responder estas perguntas, é necessário entender o que pode ser que está causando as dores.

As causas variam de acordo com os sintomas, contudo, abaixo selecionamos os princpiais motivos que podem ocasioná-los:

  • Amigdalite: é quando há uma inflamação nas amígdalas. As amígdalas têm como função filtrar o fundo da nossa garganta. A consequência desta inflamação é a dor na garganta, dor ao engolir e febre;
  • Otite: é quando o ouvido tem uma infecção bacteriana. O resultado é a dor de ouvido;
  • Resfriado: é muito confundido com a gripe, mas muito mais leve. Apesar disso, pode resultar em uma dor de garganta;
  • Dor no ouvido esquerdo com pontadas: é muito comum em bebês e durante a gravidez. As pontadas no ouvido podem ser decorrentes de problemas na mandíbula, entrada de objetos no canal do ouvido, exposição ao frio ou altitude elevada;
  • Dor no ouvido direito: assim como ocorre no ouvido esquerdo, a obstrução do ouvido com objetos também podem ocasionar dor ou ainda ela ser causada por lesões internas. Mas quando a dor é bastante aparente no ouvido direito, a causa pode ser uma otite externa;
  • Dor de ouvido junto com a dor de garganta: se já é difícil lidar com uma dor, imagina lidar com duas. Isso pode acontecer quando falamos de dor de ouvido e dor de garganta. Quando acontece de elas aparecerem em conjunto, significa que uma dessas infecções apareceu primeiro e se alastrou para o outro local.

Mas como pode a dor ir do ouvido para a garganta ou vice-versa? A resposta está na trompa de Eustáquio, também conhecida como tuba auditiva. Esta trompa percorre o caminho que vai do ouvido até a garganta, e por isso a dor pode infectar os dois locais.

  • Tosse seca junto com a dor de garganta: pode ser decorrente de uma bronquite ou de uma gripe. Essa tosse pode vir acompanhada ainda de chiado no peito.

Essas são algumas das principais causas de dor de ouvido e garganta, mas lembre-se, ao agravar a situação é importante procurar um médico.

Como aliviar a dor de ouvido e garganta

O alívio da dor de garganta e ouvido é feito através de remédios, sejam eles caseiros ou farmacêuticos. Veremos isso com mais detalhes nos tópicos seguintes. Mas você precisa saber que ao surgir os primeiros incômodos, você poderá aliviar os sintomas da dor de ouvido e garganta através de medidas simples e cotidianas. Vamos a elas:

  • Beba muito líquido: a hidratação é um fator importante para quem está com dor de garganta, principalmente quando se tem a sensação de garganta seca. Abuse de água, chás e sucos. Apenas tenha atenção com bebidas muito geladas, especialmente no verão;
  • Mantenha os exercícios físicos: a dor de garganta e de ouvido limita muitas atividades. Apesar disso, os exercícios físicos podem auxiliar no tratamento, pois aumentam a capacidade respiratória. Só tenha atenção em praticar exercícios de maneira moderada.
  • Alimentação: consuma frutas que tenham vitamina C, como limão, laranja e abacaxi. É recomendável a vitamina C para dor de garganta e de ouvido pois elas aumentam a imunidade do nosso organismo;
  • Roupas limpas: as bactérias presentes nas roupas ou nos lençóis podem piorar o quadro para estes dois tipos de dor. Outra dica importante é secar as roupas ao sol;
  • Locais arejados: as bactérias podem ainda se proliferar em locais fechados;
  • Lave sempre as mãos: ainda falando das bactérias, é importante manter as mãos sempre higienizadas. Se possível, utilize álcool gel.

Remédios Caseiros para dor de ouvido e garganta

Uma opção aos medicamentos de farmácia são os remédios caseiros. Isso porque eles possuem muito poucos efeitos colaterais, sendo também recomendáveis para quem tem problemas estomacais, como gastrite.

  • Chá de alteia: o efeito anti-inflamatório da alteia ameniza os efeitos da dor de garganta e da dor de ouvido. Ela possui ainda efeito calmante e descongestionante. Você pode incluir no chá o mel, que tem o poder de lubrificar a garganta e o gengibre que também é anti-inflamatório e analgésico.
  • Álcool: O álcool 70% pode ajudar a aliviar os efeitos da dor de ouvido. Para isso basta pingar uma ou duas gotas do produto. Não se assuste: o álcool evapora muito rápido e a ação é quase que instantânea. A única restrição é para quem possui tímpano perfurado. As dores de garganta também podem ser eliminadas com o uso do álcool. Umedeça um lenço com o produto e coloque no pescoço. Além do rápido bem-estar, o calor do álcool ajuda a combater o crescimento da inflamação;
  • Chá de alho com limão: a ação do alho com o limão ajuda a melhorar a circulação, amenizando esse tipo de dor. Coloque em uma xícara 1 dente de alho cortado ao meio, suco de 1 limão e água fervida. Misture, abafe e adoce com mel;
  • Compressas mornas: as compressas de pano seco e quente aliviam os sintomas da dor de ouvido e da dor de garganta. Após aquecer o pano, deixe por cerca de 20 minutos no ouvido ou na garganta.

Remédios Farmacêuticos

As farmácias têm a sua disposição uma infinidade de opções quando o objetivo é tratar uma possível dor de garganta ou dor de ouvido. É importante salientar apenas para evitar a automedicação. Sempre consulte um médico para evitar que o problema se agrave.

Confira as principais opções de tratamento quando o assunto é dor de garganta ou dor de ouvido:

  • Ibuprofeno: por ser um anti-inflamatório, o ibuprofeno é ideal para o tratamento de garganta inflamada ou dor de ouvido. Tenha atenção apenas para tomar este medicamento sempre após as refeições, pois tomar ele de estômago vazio pode irritar a mucosa do estômago;
  • Dipirona: a dipirona é um antitérmico e analgésico. O recomendado é que se tome dipirona de 8 em 8 horas, como forma de aliviar os sintomas, tanto da dor de ouvido, quanto da dor de garganta;
  • Otosynalar: este é um medicamento da Roche muito utilizado para tratar especificamente a dor de ouvido (otite). O medicamento é utilizado em gotas aplicadas diretamente no ouvido;
  • Azitromicina: este medicamento trata a dor de garganta, mas é um antibiótico, ou seja, pode ser vendido apenas com receita médica. É uma excelente opção para tratar as diferentes causas da dor de garganta ou da dor de ouvido, aliviando assim os seus sintomas.

Dor de garganta e ouvido quando engole

Infecções na garganta ou no ouvido podem ter como consequência dor ao engolir.

Além da dor já existente no ouvido e na garganta, ao engolir alimentos sólidos ou até mesmo líquidos é comum haver sensação de dor.

Para solucionar problemas de dor ao engolir é preciso tratar as dores na garganta e/ou no ouvido, conforme já explicado neste artigo.

Comente, compartilhe, classifique abaixo se este conteúdo foi útil e curta nossa página do Facebook!


Rate this post